Requisitos Obrigatórios para uma Viagem SaudávelCom essa lista de itens essenciais o vegan saudável
vai cair na estrada sempre com o pé direito

Viajar é uma oportunidade de experimentar tudo que o mundo tem a oferecer, viver aventuras e criar memórias que nos completam. Sair de casa, mesmo que só por alguns dias, além de libertador e revitalizante, ajuda a esquecer os problemas e enxergar novas perspectivas. Mas o que fazer, se você é um vegan saindo em sua exploração pelo mundo e deixando para trás todos os confortos do lar? Manter a alimentação 100% natural na estrada é uma tarefa que pode se tornar desafiante. A seguir o que não saio de casa sem incluir na bagagem:

1. Garrafa de Água. Uma das principais dicas é se manter apropriadamente hidratado sempre que estiver viajando. A mudança de fusos, o vôo em si e os atrasos nos aeroportos, todos tem sua influência na manutenção da hidratação, especialmente na hora de combater a fadiga e evitar fome excessiva.

2. Frutas e Castanhas. Companheiros de viagem, horários de excursão e a ausência de opções às vezes levam a uma nutrição muito reduzida comparada à rotina diária. Vem ao resgate as frutas e castanhas, que duram mais sem estragar, ou que são de mais simples manuseio, como maçãs, mexericas, abacates, bananas, até cenouras, tomates, e opções mais delicadas para distâncias mais curtas.

3. Utensílios Reutilizáveis. Levar sempre os próprios talheres e itens de cozinha consigo é uma gentileza à Mãe Terra, além de uma bela conveniência. Fogareiros portáteis também garantem uma boa ceia mesmo na chuva, e permitem ferver água com muito mais eficiência. Equipe-se e coma tão bem quanto se estivesse em um hotel cinco estrelas.

4. Farmácia Básica. Se você tem uma tendência a ficar enjoado e está indo para um cruzeiro, previna-se de acordo. Se tem estômago sensível ou algum tipo de alergia, tome as precauções necessárias e passe longe de ‘perrengues’ desagradáveis. Tenha seus itens de socorros essenciais, como óleo de copaíba, arnica, ervas, rapé e etc.

5. Toilet Ecológica. Apesar de variar por região ou cidade, já se pode encontrar algumas opções ambientalmente amigáveis, quando se trata de itens para higiene pessoal. Sabonetes, shampoo e condicionador biodegradáveis deixam a consciência tranquila quando desfrutamos paraísos naturais pelo Brasil e pelo mundo, além de também agredirem menos a saúde do corpo.

6. Sapatos Confortáveis. Soa como um clichê, mas os maiores clichês costumam se provar os mais verdadeiros. Seja para caminhar longas distâncias, explorar cavernas ou escalar até as alturas, calçados confortáveis são sempre os mais apropriados. O bem-estar dos pés se reflete em todo nosso sistema e altera nossa disposição. E fica um lembrete especial às mulheres que ainda insistem em entrar em campo de salto alto.

7. Canivete Multi-uso. Faca pequena, tesoura, pinça, bússola, abridor de garrafa, serra, prego e até lanterna e caneta. Que item une mais benefícios no menor espaço possível senão o clássico canivete suíço? Leve também uma pequena superfície para corte e esteja preparado para recarregar suas energias em qualquer situação, só dependendo de uma quitanda, mercadinho ou barraquinha de ervas no roteiro.

8. Alimentos de Emergência. Além do estoque geral que você quer montar de frutas secas, castanhas e afins, procure levar algumas porções a mais que fiquem de algum modo reservadas. Barrinhas de cereais, vegetais desidratados ou o que vier em mente, para serem usados depois de a alimentação da viagem estar realmente completa. No pior dos casos, você terá seu trajeto de volta pra casa garantido e sem os custos altos dos pontos de parada tradicionais. 

9. Embalagens Inteligentes. Há diversas opções de tupperware e embalagens de múltiplos tamanhos que se encaixam uma dentro da outra, economizando espaço na bagagem, mas permitindo separar seus alimentos ao longo da jornada. A macarronada do almoço pode ter sobrado e o viajante vegan prevenido vai poder transportar o alimento sem sujeira nem surpresas ruins.

10. Cartões de Banco. Evite levar todos seus cartões e documentos, se for possível. Escolha sabiamente o que irá carregar consigo, perder documentos originais longe de casa pode significar atrasos irreparáveis, além do tempo e dinheiro gasto com segundas e terceiras vias. Use o espaço na bolsa ou carteira com cartões que sejam relevantes no país ou região que você for visitar.

Seja para um rápido pernoite num acampamento ou para uma longa viagem oceanos afora, selecione sua bagagem com antecedência e bom senso. Lembre-se dos itens vegan essenciais e faça uma ótima viagem!

Produção: Central de Notícias Casa Jaya

Fonte: VegNews Magazine

Dúvidas? Escreva para noticias@casajaya.com.br