Oficina Canto Impulso na Voz e no Corpo com Renata Rosa

Oficina Canto Impulso na Voz e no Corpo com Renata Rosa

Essa atividade foi cancelada!

O objetivo deste trabalho é desenvolver a relação orgânica entre o movimento, a respiração, a produção de voz e o canto através de um conjunto de dinâmicas que envolvem rolamentos, o aquecimento lúdico-técnico vocal e da exploração de ressonâncias e cantos e danças tradicionais caboclos onde voz e movimento, canto e dança estão profundamente associados. Técnicas que Renata Rosa desenvolve em seus trabalhos.

 

O foco deste trabalho será a relação precisão/organicidade, o pulso no corpo e na voz, a relação com o chão, a energia do canto, nuances e equilíbrios, seus fraseados, suas ressonâncias, suas polifonias, a construção da presença e a busca de uma expressividade pessoal.

 

Essa atividade foi cancelada!

 

Material:

Os alunos devem trazer uma roupa para o treino físico, outra para o canto (calça para os homens e saia rodada para as mulheres) e material para as suas anotações.
Renata Rosa
Cantora, rabequeira, atriz e pesquisadora, há anos vive mergulhada no contexto poético-musical da Zona da Mata Pernambucana e do Baixo São Francisco Alagoano.Estudou Letras e Fonoaudiologia na USP e Música com habilitação em Canto na Universidade Livre de Música Tom Jobim. Aprendeu a arte do canto sinuoso caboclo no seu convívio na Aldeia Kariri-xocó/AL (com Cema, Noraia e Thydjo) e na Aldeia Pankararú/PE. Integrou o Núcleo de Ação e Performance do Pólo Sul Americano do Ator Contemporâneo (RJ), dirigido pelo diretor iraniano e pesquisador das linguagens teatrais Massoud Saidpour. Desenvolveu o trabalho de pesquisa sobre movimento e voz “ Canto e dança – o impulso na voz e no corpo” a partir dos cantos caboclos do Baixo São Francisco e vem ministrando workshops a inúmeros Centros de formação e Companhias de teatro, música e dança no Brasil e no exterior, com destaque para: VIVA! Performances (Cleveland Museum of Arts /Ohio), Centre Hippocampe e Theatre de la Ville (Paris), Conservatórios de Amsterdam e de Roterdam , Conservatório de Rouan (Normandia), Oficinas de Música de Curitiba, LUME (Núcleo Interdisciplinar de Pesquisas Teatrais da Unicamp), entre outros. Foi a personagem Maria Safira da minissérie A Pedra do Reino, de Luis Fernando Carvalho, para a qual também musicou os poemas de Ariano Suassuna e dirigiu o Coro de Maria do Badalo. […]

Realização: Jequitibá Cultural
Apoio: Casa Jaya e Cantina e Pizzaria Piolin